The Great Railway Bazaar

Gosto muito de literatura de viagens e mais ainda nestes dias frios, de trabalho, em que apetece antes pegar na mochila e andar por aí.

De literatura de viagens e de comboios. Por isso, este é um livro perfeito. Autobiográfico, Paul Theroux conta as peripécias da sua viagem de comboio de Inglaterra até à Ásia, com passagem pela Índia. Escreve sobre pessoas, lugares, comidas, crenças e culturas. Ainda estou no início, mas promete.

Tenho memórias muito felizes relacionadas com uma mochila às costas e com um bilhete do intercidades no bolso com destino ao Porto. Preferindo viajar do lado esquerdo, a viagem em si é magnífica e a chegada ao Porto, avistar o rio e a cidade, é qualquer coisa que me enche de uma emoção que tenho muita dificuldade em narrar. 
O Porto não foi um amor à primeira vista e, talvez por isso, seja dos mais profundos que nutro por uma cidade portuguesa. É um lugar de chegada e também de partida para outras paragens europeias. É, em suma, um lugar carregado de memórias afetivas muito doces.
Quando me perguntavam em pequena sobre os meus desejos para a vida adulta, eu deveria ter dito, se conhecesse nessa altura a palavra, "Quero ser uma backpacker". 
Mesmo quando as costas já não mo permitirem, tenho a certeza que continuarei a ser uma backpacker.   
    



52 comentários:

  1. ja vi que tens algo com o norte :-) mais um ponto a meu favor ;)

    ResponderEliminar
  2. eu gosto mais do centro/sul...

    ResponderEliminar
  3. se é centro Lx es sortuda :-)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. graças aos deuses que não é centro Lx.
      Lisboa não é assim tão interessante, ou é? :)

      Eliminar
  4. eu gosto ;-) morei la 2 anos e vou la algumas vezes sempre que posso. gosto de cidades grandes:-)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. também gosto de Lisboa q.b. :)

      campo ou cidade? :)

      Eliminar
  5. cidade para trabalho, campo para ferias :-)

    ResponderEliminar
  6. :) eu trabalho no campo hehehehe
    e cedo!
    Boa noite :) ****

    ResponderEliminar
  7. se plantares girassois é prefeito ;-)
    Boa noite pra ti tambem **

    ResponderEliminar
  8. como vivo na cidade nao tenho campo, mas arranjo um vaso, deve chegar pra semear uma ideia nao? :-)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. eu até já vi ideias nascerem no meio de pedras e areia.
      um vaso é mais do que suficiente. :)

      Eliminar
  9. Respostas
    1. estava justamente a considerar essa hipótese há uns instantes :) parece que vai haver crepes amanhã.

      Eliminar
  10. mas porque moras tu no centro e nao no norte? :P ( isto ja sou eu feita gulosa e a fazer-me de convidada, deixa la, a distancia protege-te :P)
    calhava bem amanha um lindo dia de sol,uma partidinha de tenis, e como lanche os crepes! para repor energia ;-)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. eu sou uma cidadã do mundo. E ando cheia de bichos carpinteiros para me pôr a andar. :)
      jogas ténis? :)

      Eliminar
  11. eu costumava dizer isso muitas vezes " eu sou uma cidadã do mundo" nao fosse eu de relações internacionais :-)
    jogo tenis por diversao e ocorreu-me uma tarde assim :-)com sol dava vontade

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. tenho de passar o ténis por causa de uma tendinite no ombro direito :) mas crepes, sempre.
      relações internacionais, uau :)

      "minha aldeia é todo o mundo" :)

      Eliminar
  12. maldade seria ver alguem a jogar tenis e a comer crepes ;-) acho que rapido arranjava uma tendinite forçada :P
    RI é "uau" mas empregabilidade na area é " xiiii"

    ResponderEliminar
  13. não me digas que também estás a pensar emigrar? :)

    ResponderEliminar
  14. estou a ponderar ir para londres, mas nada certo para ja... estou em fase de ponderação apenas, sem pressa... para ja estou a viver sem pressa :-)

    ResponderEliminar
  15. depende... sempre tive muita "sede" de viver, conhecer e sentir... mas acalmei, ando em fase de reflexão sem pressa de nada :) vou onde a vida me levar :-)

    ResponderEliminar
  16. e para onde a vida te levar, vais usar GPS? :)

    ResponderEliminar
  17. nao :-) na miha vida nao ha GPS, nada traçado, tudo incerto e espontaneo, com atalhos e paragens e estradas cortadas, havera de tudo, espero!
    vou onde me levar a vida ou o coração ou a cabeça, como se quiser chamar... estou nesta fase assim, como disse, sem pressa :)esperado ate me chegar o desassossego bom :) que me irá mover ate algo

    ResponderEliminar
  18. eu ainda não consigo definir a fase em que me encontro (cf. com o post "fotografias") :)

    ResponderEliminar
  19. ha fases que nao se definem, acho. estamos ate sair para outra que talvez tenha definição. nao é preciso que haja definição para tudo, basta que se esteja vivo e se sinta e se queira algo, apenas arrasar ou a andar, parados, andar ou ate a correr. penso que o importante é que se queira estar aqui mesmo nao sabendo bem qual a direcção a tomar em certas alturas,mas o destino ou a vida encarrega-se de nos levar a algo

    ResponderEliminar
  20. certo é que amanhã vou para as montanhas :)
    boa noite :) ****

    ResponderEliminar
  21. Respostas
    1. houve montanhas e mar :) vantagens de viver a 10 kms do atlântico.
      De manhã percorri uns trilhos na serra e à tarde estava a calcorrear a areia da maré baixa :)

      Eliminar
  22. sortuda :) e no fim crepes? da proxima podias convidar ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. acabei por não fazer crepes porque adormeci no sofá, um dos efeitos secundários bons da atividade física. :)
      tenho de te convidar para crepes, então :)

      Eliminar
  23. Bons efeitos secundarios, esses ;)
    sim, tens de convidar :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. só espero que não me apareça um marido ciumento ou uma prole à tua volta para desatinarem comigo, por te roubar tempo para crepes hehehehehe :P

      Eliminar
  24. nem marido nem mulher ciumenta :P, ate porque com o meu tempo faço o que quero e nunca é perdido quando se fala em crepes ;-)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. com que outras atividades nunca dás o teu tempo por perdido? :)

      Eliminar
  25. muita coisa, nem consigo enumerar... mas tambem nao gosto muito/nada de perder tempo com o que nao me interessa :)
    e tu?

    ResponderEliminar
  26. exercício físico, livros, viagens e namorar, entre outros. Nunca dou o tempo por perdido com estas coisas. :)

    ResponderEliminar
  27. so enumeras coisas boas :) nada do que disseste é tempo perdido pode é nao ser possivel por algum motivo. ja que falas em namorar ha probabilidade de eu levar com um crepe na testa? nao queria muito :P

    ResponderEliminar
  28. melhor marcar uma caminhada antes, isso é muita caloria para um dia so:)

    ResponderEliminar
  29. gosto de caminhar perto da praia ou fazer montanha... agora caminhar na cidade com os carros a passar perto e com a grande probabilidade de ser atropelada por um,nao me agrada :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. amanhã vou fazer mais uma, com o azul do atlântico à vista :)

      Eliminar
  30. tens de me dizer qual a tua vista para ver com os meus olhos :)

    ResponderEliminar